São Lourenço Atual - Notícias de São Lourenço e Região - MG

Terça-feira, 18 de Junho de 2024
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Geral

Dengue: 14 casos são registrados em São Lourenço nos dois primeiros meses de 2020

Mais seis casos estão em investigação pela Secretaria de Estado da Saúde

São Lourenço Atual
Por São Lourenço Atual
Dengue: 14 casos são registrados em São Lourenço nos dois primeiros meses de 2020
O mosquito Aedes aegypti/Foto: Rodrigo Mexas/Raquel Portugal - Fiocruz Imagens
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Dados da Secretaria de Estado da Saúde (SES) de Minas Gerais dão conta que já foram registrados nos dois primeiros meses deste ano 14 casos de prováveis de dengue em São Lourenço. O número significa um aumento expressivos dos casos em comparação a 2019, que não registrou um só caso provável.

No município foram identificados 320 focos do mosquito Aedes aegypti, causador da Dengue, Chikungunya e da Zika. O Levantamento de Índice Rápido para Aedes aegypti (LIRAa), que identificam os criadouros predominantes e a situação de infestação, aponta São Lourenço como baixo risco de epidemia com índice 0,4.

Ainda de acordo com a apuração do São Lourenço Atual, o número de casos prováveis deve aumentar, pois mais seis pessoas apresentaram suspeita e a SES ainda não concluiu os exames. Em Minas Gerais, foram notificados 13.178 casos prováveis de dengue e 10 óbitos em investigação este ano. No ano passado, em 2019, foram registrados 179 óbitos e 77 permanecem em investigação

Publicidade

Leia Também:

A população precisa ficar atenta a possíveis criadouros que se formam nos imóveis após as chuvas. Entre eles estão vasos de plantas que acumulam água nos pratos, tampas de garrafa, garrafas, plásticos, pneus, entre outros.

Os plásticos devem ser acondicionados em sacos de lixo e descartados, bem como as tampas de garrafas, entre outros recipientes que possam estar expostos a chuvas e acumulam água. Os pratos de vasos de plantas devem ter a água descarta e serem lavados.

As vasilhas de água dos animais domésticos, bem como de cavalos, devem ser lavadas diariamente. Recipientes com água para fazer muda de plantas, devem ter água trocada com frequência e serem higienizadas.

As calhas dos telhados precisam ser verificadas quanto ao entupimento para não virarem criadouros mosquito Aedes aegypti.

 


Comentários:
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!