SÃO LOURENÇO ATUAL

MENU
Logo
Sábado, 25 de setembro de 2021
Publicidade
Publicidade

Utilidade Pública

Educação avança com agenda de discussões para protocolo de retorno às aulas

O próximo seguimento a ser ouvido são os profissionais da rede municipal de ensino

Imagem de capa

Imagens

A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O Governo Municipal avançou, na tarde desta sexta-feira (09/07), com a agenda de discussões para conclusão do Protocolo Municipal Sanitário de Retorno às Atividades Escolares Presencial (Híbrido) com o Conselho Municipal de Educação para um possível início hibrido das aulas presenciais em São Lourenço.

Esse foi o segundo encontro que a Secretaria Municipal de Educação (SME) promoveu para ouvir opiniões e sugestões de todos os segmentos da Educação. O início das aulas na forma hibrida é permitido pelo Plano Minas Consciente nas regiões que estão na Onda Vermelha e não estejam em cenário desfavorável.

Na segunda-feira (12/07) será a vez de ouvir os profissionais que integram rede municipal por meio dos diretores e supervisores das Escolas e Centros Municipal de Ensino Infantil (CEMEIs). “Solicitamos que os diretores fizessem reuniões com os profissionais para nos trazer as opiniões e sugestões dos profissionais de cada uma das unidades de ensino do município. Pedimos que nos entregassem um relatório com o conteúdo do discutido para compor o protocolo”, informou Mariane Papine, secretária Municipal de Educação.

“Estamos promovendo esse diálogo com os diversos segmentos para produzirmos um protocolo seguro e completo. Queremos as aulas presenciais, quando possível, com segurança para os alunos, professores e todos os profissionais das redes de ensino”, destacou a gestora.

As principais medidas em discussão são aquelas já conhecidas para evitar uma possível disseminação da Covid-19: distanciamento entre os alunos, uso de Equipamentos de Proteção Individual para os profissionais da Educação e alunos, higienização das mãos e ocupação dos espaços com limite de pessoas e vacinação dos profissionais. Ainda faz parte do documento oficial a prioridade de atendimentos no Centro de Apoio às Síndromes Gripais do município para testagem, entre outras medidas.

Fonte/Créditos: Ascom/PMSL

Créditos (Imagem de capa): Ascom/PMSL

Comentários:

Deixe sua mensagem para a redação ;)