SÃO LOURENÇO ATUAL

Escola do Legislativo faz exposição com murais produzidos por estudantes do Parlamento Jovem

Os cartazes foram produzidos a partir de discussões realizadas sobre a discriminação

Foto: Ascom/CMSL

A Escola do Legislativo de São Lourenço organizou uma exposição com cartazes feitos por participantes do Parlamento Jovem. Os murais foram confeccionados em duplas à luz do tema “Discriminação Étnico-Racial”, debatido em todas as cidades de Minas Gerais que integram o projeto este ano.

A ideia veio da Mestre em Letras (Linguagem, Cultura e Discurso) e técnica do IFSULDEMINAS Lídia Ozório, que ministrou uma oficina para os estudantes na última quarta-feira, 22.05. Ela falou sobre um dos três subtemas da edição 2019: “Desigualdades Sociais Geradas pela Discriminação Étnico-Racial”. Os cartazes foram feitos sob a orientação dela, logo após a palestra.

A exposição foi montada pela servidora Márcia Palma e está no Anexo 1 da Câmara Municipal de São Lourenço (Escola do Legislativo), localizada na Rua Comendador Costa, 107, centro. A unidade funciona de segunda a sexta-feira, das 08h às 18h.

Como funciona

Ao longo do ano, os estudantes irão elaborar propostas de mudança para a sociedade à luz do tema “Discriminação Étnico-Racial”. No final das atividades, as ideias serão votadas entre eles, em três grandes plenárias, nos moldes de uma sessão legislativa, e entregues aos deputados estaduais, os quais poderão transformá-las em leis de verdade, como já aconteceu em edições anteriores.

Antes de estudarem a temática do ano, os jovens passam por uma formação política. O objetivo é que eles adquiram maior conhecimento sobre o Poder Legislativo para que possam escrever as propostas. Todas as oficinas acontecem às quartas-feiras, a partir das 16H.

Fonte

Ascom/CMSL
  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Escola do Legislativo faz exposição com murais produzidos por estudantes do Parlamento Jovem

Ascom/CMSL

A Escola do Legislativo de São Lourenço organizou uma exposição com cartazes feitos por participantes do Parlamento Jovem. Os murais foram confeccionados em duplas à luz do tema “Discriminação Étnico-Racial”, debatido em todas as cidades de Minas Gerais que integram o projeto este ano.

A ideia veio da Mestre em Letras (Linguagem, Cultura e Discurso) e técnica do IFSULDEMINAS Lídia Ozório, que ministrou uma oficina para os estudantes na última quarta-feira, 22.05. Ela falou sobre um dos três subtemas da edição 2019: “Desigualdades Sociais Geradas pela Discriminação Étnico-Racial”. Os cartazes foram feitos sob a orientação dela, logo após a palestra.

A exposição foi montada pela servidora Márcia Palma e está no Anexo 1 da Câmara Municipal de São Lourenço (Escola do Legislativo), localizada na Rua Comendador Costa, 107, centro. A unidade funciona de segunda a sexta-feira, das 08h às 18h.

Como funciona

Ao longo do ano, os estudantes irão elaborar propostas de mudança para a sociedade à luz do tema “Discriminação Étnico-Racial”. No final das atividades, as ideias serão votadas entre eles, em três grandes plenárias, nos moldes de uma sessão legislativa, e entregues aos deputados estaduais, os quais poderão transformá-las em leis de verdade, como já aconteceu em edições anteriores.

Antes de estudarem a temática do ano, os jovens passam por uma formação política. O objetivo é que eles adquiram maior conhecimento sobre o Poder Legislativo para que possam escrever as propostas. Todas as oficinas acontecem às quartas-feiras, a partir das 16H.

Publicidade

Fale com a redação!

Deixe sua mensagem para a redação ;)