SÃO LOURENÇO ATUAL

MENU
Logo
Terça, 22 de setembro de 2020
Publicidade
Publicidade

Cidade

Feira de domingo: Senar poderá ajudar retomada em São Lourenço

O trabalho a ser realizado pelo Senar depende de demanda da prefeitura

Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Foi apresentada para a prefeitura de São Lourenço, na manhã desta quinta-feira, 30, uma proposta de realização da Feira Segura pelo Sistema Nacional de Aprendizagem Rural (Senar). Em uma reunião online em que participaram representantes regionais da instituição, Prefeitura e Câmara de São Lourenço foram discutidas formas de realizar a feira dominical de forma segura.

A Feira Segura, que já é realizada em três municípios e teve início em Boa Esperança, propõe a exposição de produtos e circulação de pessoas no ambiente da feira seguindo as normas de higienização do Ministério da Saúde, evitando aglomerações e a propagação do novo coronavírus. Os modelos usados são os de drive-thru ou de pedestres, como tradicionalmente é realizado.

De acordo com o gerente regional do Sistema Faemg / Senar Minas em Lavras, Wander Magalhães Moreira Júnior, a demanda de realizar a feira tem que partir da prefeitura para receber o apoio do Senar. “Nós apoiamos a realização da primeira feira e depois a prefeitura dá continuidade nos moldes que nós fizemos”, disse o gerente regional.

O modelo apresentado pelo Senar promove um ambiente seguro para clientes e produtores estarem em uma feira de rua nesse período de pandemia do coronavírus.  O sistema de funcionamento orienta os produtores rurais quanto ao uso dos Equipamentos de Proteção Individual (EPI’s) e fornece um kit contendo máscaras, luvas, toucas e avental. Os alimentos são embalados para que não haja contato do consumidor com os produtos, as barracas possuem distanciamento de um metro meio umas das outras, entre outras regras.   

O secretário de Indústria, Comércio e Desenvolvimento Econômico de São Lourenço, Marcelo Mendes, informou que há um modelo pronto de feira e com parecer favorável da Vigilância Sanitária municipal para realização com segurança. O modelo sugerido é o de drive thru, sem que as pessoas possam chegar a pé até a barraca.

“O parecer da Vigilância Sanitária no documento criado baseado em protocolos será encaminhado para o Comitê para que a reabertura possa ser analisada pelos membros”, disse Marcelo Mendes pontuando importantes pontos do funcionamento do plano.

O modelo da prefeitura para atender a demanda da população e dos quase 180 feirantes ainda prevê que os pedidos dos clientes sejam realizados por meio de grupos de Whatsapp para serem retirados no domingo dentro dos carros.  

Para o produtor rural e feirante, Cleiton Rodrigo Guerra, o modelo proposto pela Prefeitura de São Lourenço não atenderá a demanda de parte da clientela da feira. “Essa proposta não vai atender a 10% dos clientes. Temos um espaço grande e o modelo para pedestres pode ser implantado, pois a maioria não tem carro “, sugeriu.

O modelo a ser implantado deve ser discutido pelo município junto com os feirantes. A demanda de realização da feira, deve ser repassada pela prefeitura ao sindicato rural de Carmo de Minas para que o Senar possa atuar, inclusive capacitando os feirantes.

 

  

 

 

  

Fonte/Créditos: A primeira feira segura promovida pelo Senar em Boa Esperança

Créditos (Imagem de capa): Senar/MG

Comentários:

Deixe sua mensagem para a redação ;)