São Lourenço Atual - Notícias de São Lourenço e Região - MG

Terça-feira, 18 de Junho de 2024
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Geral

Manifestantes fazem luto em São Lourenço pela ditadura militar brasileira

O ato, mobilizado pelas redes sociais, lembrou histórias e fatos ocorridos na época

São Lourenço Atual
Por São Lourenço Atual
Manifestantes fazem luto em São Lourenço pela ditadura militar brasileira
Foto: SL Atual
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

O domingo em São Lourenço também foi de manifestações contra a ditadura, assim como em muitos outros municípios brasileiros. O evento, realizado no Calçadão II, foi uma reação a ordem do presidente Jair Bolsonaro em comemorar a tomada do poder pelos militares em 31 de março de 1964, que mergulhou o Brasil em uma ditadura por mais de 20 anos.

Em São Lourenço, os manifestantes se reuniram pacificamente para escutar depoimentos de pessoas que viveram e sofreram com a repressão do Estado Brasileiro. Essas pessoas destacaram as prisões arbitrárias feitas na época, a censura aos veículos de comunicação, as torturas contra as pessoas que se manifestavam contra o governo militar, entre outros.

O professor de história da rede estadual e da Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG), Cássio Diniz, explicou porque ainda há a negativa da existência da ditadura no país. Para ele, a negativa vem das pessoas que não sofreram com o aparato da repressão do Estado Brasileiro e, que de alguma forma, se beneficiaram com o regime.

Publicidade

Leia Também:

“É importante basearmos em fatos concretos que ocorreram de verdade. Negar que houve um golpe e uma ditadura, é negar a realidade coletiva do nosso país. É preciso valorizar o conhecimento científico e analisar o que houve de fato. Houve ditadura para quem sofreu as consequências econômicas e com o aparato repressivo do Estado Brasileiro por não concordar com o regime, que é a maioria dos brasileiros”, explicou o professor.

Entre as pessoas que passaram suas vivências na época do regime militar estavam a ex-vereadora de São Lourenço, Maria Lúcia Garcia, e o ex-prefeito José Celso Garcia. “Eram nossas palavras contra as armas e nossas palavras davam medo nos militares. Duas pessoas conversando já era motivo para serem subversivas e podiam ser combatidas”, contou Mara Lúcia Garcia.

Comentários:
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!