SÃO LOURENÇO ATUAL

Prazo para depoimento da prefeita Célia Cavalcanti na Comissão Processante expira

A prefeita terá 5 dias para protocolar na Câmara Municipal as considerações finais de defesa
Prazo para depoimento da prefeita Célia Cavalcanti na Comissão Processante expira
A Comissão Processante durante a fase de oitivas/Foto: SL Atual

Prazo para depoimento da prefeita Célia Cavalcanti na Comissão Processante expira

Terminou na tarde desta quinta-feira, 15, o prazo dado pela Comissão Processante (CP) para a prefeita Célia Cavalcanti prestar o depoimento dela sobre as acusações de improbidade administrativa apresentada na Câmara Municipal por três servidores concursados em junho deste ano.

A prefeita, denunciada, é a última a ser ouvida durante o processo investigativo, caso quisesse se pronunciar. A próxima etapa das investigações será dar um prazo de cinco dias para que a chefe do executivo apresente as considerações finais da defesa por escrito. Após o prazo, é produzido um parecer da comissão para arquivar a denuncia ou colocar em votação a cassação do mandato da prefeita.

O prazo para que a conclusão dos trabalhos e votação, sem que a CP expire, é antes do final de setembro. Se passado prazo de 90 dias, a prefeita não terá mais o mandato cassado e continua exercendo o mandato.

A Comissão processante foi fruto de uma denúncia feita por três servidores concursados da Prefeitura de São Lourenço em função da contratação de um escritório do escritório de advocacia Amaral & Barbosa pelo limite de R$ 1,2 milhões para resgatar créditos

A denúncia feita pelos servidores públicos concursados Aldrin Luiz dos Santos, Alice Cordeiro Rodrigues da Silveira e Marco Antônio da Cunha Arantes, o Marcão, ainda dá conta que houve descontos previdenciários irregulares sobre o terço constitucional de férias, horário extraordinário (e incorporado), primeiros 15 dias de auxílio doença e acidente, aviso prévio indenizado e adicionais noturno e de insalubridade mesmo sendo notificada.

OUVIR NOTÍCIA

Terminou na tarde desta quinta-feira, 15, o prazo dado pela Comissão Processante (CP) para a prefeita Célia Cavalcanti prestar o depoimento dela sobre as acusações de improbidade administrativa apresentada na Câmara Municipal por três servidores concursados em junho deste ano.

A prefeita, denunciada, é a última a ser ouvida durante o processo investigativo, caso quisesse se pronunciar. A próxima etapa das investigações será dar um prazo de cinco dias para que a chefe do executivo apresente as considerações finais da defesa por escrito. Após o prazo, é produzido um parecer da comissão para arquivar a denuncia ou colocar em votação a cassação do mandato da prefeita.

O prazo para que a conclusão dos trabalhos e votação, sem que a CP expire, é antes do final de setembro. Se passado prazo de 90 dias, a prefeita não terá mais o mandato cassado e continua exercendo o mandato.

A Comissão processante foi fruto de uma denúncia feita por três servidores concursados da Prefeitura de São Lourenço em função da contratação de um escritório do escritório de advocacia Amaral & Barbosa pelo limite de R$ 1,2 milhões para resgatar créditos

A denúncia feita pelos servidores públicos concursados Aldrin Luiz dos Santos, Alice Cordeiro Rodrigues da Silveira e Marco Antônio da Cunha Arantes, o Marcão, ainda dá conta que houve descontos previdenciários irregulares sobre o terço constitucional de férias, horário extraordinário (e incorporado), primeiros 15 dias de auxílio doença e acidente, aviso prévio indenizado e adicionais noturno e de insalubridade mesmo sendo notificada.

Comentários

Quer mais artigos e as newsletters editoriais no seu e-mail?

Receba as notícias do dia e os alertas de última hora.
[CARREGANDO...]

Confira mais Notícias

Política
Dr. Dionísio tem votos totalizados e está como 2º Suplente de Deputado Estadual
Dr. Dionísio tem votos totalizados e está como 2º Suplente de Deputado Estadual
VISUALIZAR
Turismo
Inscrições para III Encontro Nacional de Turismo, Gastronomia e Criatividade estão abertas
Inscrições para III Encontro Nacional de Turismo, Gastronomia e Criatividade estão abertas
VISUALIZAR
Política
Prefeita Célia Cavalcanti é absolvida em sessão de julgamento na Câmara Municipal
Prefeita Célia Cavalcanti é absolvida em sessão de julgamento na Câmara Municipal
VISUALIZAR
Política
Julgamento da prefeita Célia Cavalcanti acontece sem o vereador Chopinho
Julgamento da prefeita Célia Cavalcanti acontece sem o vereador Chopinho
VISUALIZAR
Política
Ao vivo: Sessão de julgamento da prefeita Célia Cavalcanti
Ao vivo: Sessão de julgamento da prefeita Célia Cavalcanti
VISUALIZAR
Política
Acesso ao interior da Câmara Municipal será controlado nesta terça-feira, 10
Acesso ao interior da Câmara Municipal será controlado nesta terça-feira, 10
VISUALIZAR
Fale com a redação!

Deixe sua mensagem para a redação ;)